O que é Coaching?

Uma metodologia para obter

o melhor de cada pessoa

Virginia Viñas Colmeiro

VIRGÍNIA VIÑAS COLMEIRO
Coach, Especialista em Eneagrama.
Autora do Programa LOOKINGFORUS para Líderes

O Coaching tornou-se numa realidade para algumas pessoas e empresas. Infelizmente, em Espanha e Portugal, esta metodologia aparece como uma necessidade para as GRANDES empresas, esquecendo que a realidade empresarial destes dois países, passa por um grande número de Pequenas e Medianas Empresas assim como de Empresas Familiares.

Existe uma “lenda popular”, que acredita que o Coaching se aplica simplesmente às equipas de vendas ou à desportistas com o intuito de motiva-los para atingir determinados objetivos num momento específico.

Só motivação é algo que trabalha o coaching com minúsculas como o coaching desportivo por exemplo.

O Coaching com maiúsculas é uma metodologia que pretende conseguir o melhor de cada pessoa e a sua Transformação.

O trabalho de um Coach é ajudar o seu cliente a definir e atingir objetivos. O Coachee (pessoa que recebe um processo de Coaching) define de forma especifica, positiva, mensurável e com uma data de concretização, os seus objetivos. Para chegar a este ponto, ambos devem ter descoberto os impedimentos que até o momento travaram ao Coachee para os atingir.

O Coach facilitará ferramentas específicas, apoio profissional e a estrutura necessária para atingir os objetivos traçados. Assim, o Coach gera mudanças de perspetiva e aumenta a AUTOCONHECIMENTO do Coachee.

chica
chica horizonte

Grandes empresas como PHILIPS, AVON, Telefónica, Toyota e outras, conhecem e utilizam atualmente o Eneagrama em benefício da organização através do Coaching. O intuito destas grandes empresas é gerar mudanças rápidas, ecológicas e duradouras nas equipas e diretivos assim como, antecipar e eliminar os momentos de estresse dos colaboradores e/ou da própria organização.

Um estudo internacional para medir o rendimento dum sistema e/ou dos seus componentes realizado com 72 empresas em 20 países, revelou que o Eneagrama possibilita às empresas, diretivos e colaboradores de melhoras muito significativas nas seguintes áreas:

 – Comunicação, Liderança, Sentido de Equipo, Inteligência Emocional, Resolução de Conflitos, Feedback, Tomada de Decisões, Vendas e Negociações.

 O mesmo estudo obteve um ranking com os 6 fatores que mais prejudicam o sucesso das empresas, nomeadamente:

 – Necessidades, Liderança, Tipificação, Qualidade, Integração e Preparação da Organização.

 Outras ferramentas como o Profiler, Disc, etc., demostraram a sua ineficácia em relação ao autoconhecimento. Os estudos comportamentais não facilitam à pessoa ou organização o autoconhecimento necessário para melhorar as habilidades individuais e muito menos, o conhecimento necessário para ajudar os outros a fazê-lo.

O Eneagrama trabalha com os dois lados. O dos líderes, para orienta-los na distribuição de tarefas, motivação, compreensão das necessidades, e o dos colaboradores, entendendo as dificuldades de cada um e possibilitando o autoconhecimento dos pontos fortes para os ajudar de maneira produtiva com a empresa, e dos pontos fracos que precisam ajustes.